Ícone do Instagram FIQUE POR DENTRO

Brasileiro desaparecido em montanha no Peru morreu, diz amigo

Greta era muito profunda e resgate não conseguiu ver Marcelo. Também não foi possível descer pela greta porque a borda estava repleta de neve em pó instável, o que impede a fixação do equipamento de ancoragem.

Abertura da greta onde Marcelo Delvaux caiu no Coropuna
Abertura da greta onde Marcelo Delvaux caiu no Coropuna Imagem: Alta Montanha/Divulgação

Montanhista provavelmente não sobreviveu à queda. Isso explica porque Marcelo não pediu socorro pelo seu GPS, que continuou ligado e com bateria por cinco dias, diz Pedro.

Mesmo que tenha sobrevivido após cair na greta, o frio intenso na montanha pode ter levado Marcelo a óbito na primeira noite. O acidente aconteceu há sete dias.

A polícia é responsável pelo resgate do corpo, mas o local é de difícil acesso. Ainda não se sabe se será montada uma operação para a retirada do corpo.

Marcelo era um montanhista experiente e começou a escalar altas montanhas nos anos 2000. O montanhista esteve em 54 cumes acima de 6 mil metros.



Envie sua mensagem: (21) 96965-4710

COMPARTILHE

plugins premium WordPress
Iniciar Conversa
Oi, posso ajudar?
Olá! Obrigado por ouvir a Rádio Graça e Paz, qualquer coisa é só chamar!
Iniciar Conversa
Oi, posso ajudar?
Olá! Obrigado por ouvir a Rádio Graça e Paz, qualquer coisa é só chamar!