Ícone do Instagram FIQUE POR DENTRO

Eduardo Cunha é vaiado durante culto da Assembleia de Deus no Rio

O ex-deputado atribuiu vaias a pastores ligados ao prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), de quem é adversário. “Um grupo ligado aos Paes que orquestrou uma vaia”, afirmou ao UOL, ressaltando que também recebeu aplausos. No vídeo em que postou (veja abaixo), é possível ouvir uma mistura de aplausos e vaias ao término de sua fala.

Mesmo com a infiltração de grupos políticos que tentaram atrapalhar a minha fala, terminei bastante aplaudido e o evento foi lindo, com chuva de bençãos.
Eduardo Cunha, ao UOL

A Assembleia de Deus não se manifestou sobre o episódio.

Cunha mantém influência em parte da política fluminense, sobretudo entre os políticos do centrão. O ex-parlamentar, que já foi um dos políticos mais importantes do país, está afastado do Legislativo desde que teve o mandato cassado em 2016, no âmbito da Lava Jato —ele chegou a ser preso por corrupção.

Derrotado nas urnas em 2022. Ausente das eleições de 2018, Cunha conseguiu disputar em 2022, por meio de uma liminar, mas não foi eleito. Sua filha Dani Cunha (União) foi eleita como deputada federal.



Envie sua mensagem: (21) 96965-4710

COMPARTILHE

plugins premium WordPress
Iniciar Conversa
Oi, posso ajudar?
Olá! Obrigado por ouvir a Rádio Graça e Paz, qualquer coisa é só chamar!
Iniciar Conversa
Oi, posso ajudar?
Olá! Obrigado por ouvir a Rádio Graça e Paz, qualquer coisa é só chamar!